Social icons

Sweet weeks: Janeiro

30 de janeiro de 2016
Como definir o mês de Janeiro? Acho que "bagunçado", apesar de ter sido bom. Essas semanas eu pude fotografar bastante, saí e conheci vários lugares da minha cidade que ainda não tinha visto. E o motivo de tantas saídas foi a visita de uma amiga virtual muito querida de Brasília ter vindo, o que posso dizer? Amei tê-la conhecido! 

Além disso, Janeiro foi bagunçado porque o clima tava assim: chuva, sol, esquenta, esfria. Me senti num jogo de ping-pong-troca-de-roupa. Quando torcia pra que o frio continuasse, 12:00 aparecia aquele sol de rachar. Enfim, chega de enrolação, e 'bora' pro que interessa, e se preparem, foto é o que não falta, haha.


Essa sequência vem dos primeiros dias do mês. Passei 3 tardes na casa de um tio no interior de Alagoas, e o condomínio que ele mora estava assim: totalmente florido. As flores brancas me fizeram imaginá-las como flocos de neve, hihi. E esse carrossel amorzinho faz parte da decoração de um dos quartos da casa. Já quero um igual! >.<




Mais flores! Essas ficam na praia do Francês, e as casinhas bonitinhas também. Tudo muito fofo, o Francês é repleto de casas e pousadas cute, dá vontade de ter todas! *-* Óculos da Rai, ainda na praia do Francês. Esse céu azul e o mar ao lado, foram registrados na Orla de Maceió, numa das praias da avenida, a de Ponta Verde. A orla de Maceió é linda demais, e as jangadas fazem a paisagem ficar mais bonita.







Essas aqui foram tiradas nas saídas com duas amigas, a Rai e a Clau. Bem legal ter passado a tarde com elas; visitamos museus, teatros, acervos de móveis antigos, exposições de artes, e ao final, passamos o restinho do dia conversando numa cafeteria, tomando frappuccino, yuuuuuum! Esse aí tava uma delícia. ˘◡˘



A parede, e eu preciso retratar minha afeição por ela (porque será, né?!), é da livraria Leitura no Parque shopping Maceió. É uma parede composta por escritores, poetas, cronistas... Totalmente incrível, a composição ficou show! ♡ ♡ 

Ao lado, as últimas fotos do mês: nuvens que me lembraram algodão doce, elas tinham um tom pastel awwwwn -; e morangos que meu pai trouxe pra mim de uma viagem que fez ao sul, num instante eles viraram minha sobremesa favorita, morangos com creme de leite. ^^



E pra fechar com chave de ouro: meu ursão/coisa fofa, mais conhecido por Zeca. Mostrando que pode ser lindo até quando não quer aparentar beleza alguma, hahaha. Mas, eu tive que registrar ele sorrindo pra mim, não aguento esses dentinhos tortos e pequerruchos!

Bom, foi um breve resumo do mês. Não garanto conseguir o mesmo feito com os outros meses, mas vou tentar registrar fotos com o celular e postá-las aqui. A maior parte do post, como escrevi, foi feita com o celular, apenas 4 fotos foram com a câmera. Meu objetivo real era justamente esse: trazer fotografias de bolso. Me esforcei para criar as texturas, os ângulos e efeitos diferentes, fiquei super feliz com o resultado! Então, um lindo início de Fevereiro para todos, e até o próximo encontro.  ◡‿◡ ♡

To be inspired

15 de janeiro de 2016

O que penso na hora de fotografar ou editar uma foto? Inspiração. Preciso de inspiração. Quando fico sem ideia, me faço perguntas do tipo: "Como vou melhorar essa fotografia?" ou "Qual assunto quero registrar?"... A pior coisa que tem é ter a mente vazia. Mas, pra minha/nossa felicidade, existem sites e aplicativos que me ajudam e dão uma "luz" nesses momentos. E o que eu trouxe pra mostrar hoje? We heart it; um site (rede social) que traz muuuuitas fotos, ilustrações, e qualquer arquivo jpg, png, gif... Meus dois webs favoritos são o Flickr e ele. O Flickr traz fotos com qualidade bem melhor, mas o We heart it te disponibiliza uma variedade rápida de fotografias/ilustras, independente de quem seja a pessoa que fotografou/desenhou. Um ponto fraco? As fotos quase sempre vêm sem o endereço original, assim a gente não consegue saber quem "fez". Podemos dizer que essas sejam algumas diferenças entre o 'heart e o flickr.

O We heart it me ajuda naqueles instantes chatos (que são constantes, infelizmente) em que tô em casa e não tenho como sair para fotografar além das 4 paredes. Como assim? Calma que eu explico: pra mim, era um pouco estranho pensar que existiam diversas coisas que seriam legais de fotografar dentro de casa.  Hum... Digamos que não sou desse jeito: "Ah! Olha isso! Dá pra fotografar!" *pega a câmera e pronto*. Sou mais de imaginar a cena, planejar, criar harmonia entre os objetos e tal; ao final, acabo demorando 1 século pra fotografar e, ainda por cima, nem gosto tanto da foto. Resultado: excluo tudo... Tempo perdido. Através do site, pude imaginar mais, principalmente em ambiente fechado.


Muitas das fotos que tiro, me inspiro em fotografias achadas nele. Mas não acaba aí. Outra coisa que gosto de fazer é arrumar e decorar o quarto, e lá também existem ideias para isso! O site é simples de navegar, as fotos são separadas por tags e é permitido criar 'coleções', facilitando bastante a pesquisa. Bom, escolhi esse tema para o primeiro post de 2016 por que começo de ano, normalmente, queremos inovar, mudar e etc. E não tem nada melhor que iniciá-lo se inspirando. O heart' foi essencial pra definição do meu estilo fotográfico, porque fiz uma junção de tudo o que eu amo nele: fotografia delicada, efeitos analógicos e tema vintage.

Se gostou da dica, o próximo passo é simples: criar uma conta. É tudo bem fácil, e ele permite que a conta seja vinculada ao facebook. Eu não abro mão do meu, inclusive, existe o app (android e iphone), que me salva do tédio à noite quando fico sem sono. Enfim, espero que isso te ajude tanto quanto me ajuda. Até o próximo post! っ˘˘

Contact

Nome

E-mail *

Mensagem *