Social icons

YAY! 100 posts, 10 things

3 de novembro de 2017

Foi em Junho, num dia 6, que o primeiro post do blog, ou mais precisamente do Candy (porque já tive muitos blogs), foi publicado, e eu nem sabia como blogar, na verdade continuo ainda sem saber, só me atrevo e arrisco em tentar acertar. Quando eu li novamente a primeira publicação, nem consegui acreditar em algumas coisas que, com certeza, hoje me deixariam com tiques nervosos, hahaha. Por outro lado, percebi que consegui evoluir bastante com o decorrer do tempo, os hábitos mudaram, o blog foi se adaptando nas fotografias, na escrita e organização. 

Olhei pra quantidade de publis essa semana e vi que faltavam apenas 4 posts pra completar 100, pensei ser interessante bolar algo diferente, e cá estou eu. Não queria apenas um post "comemorativo", mas que trouxesse informações também, então eu tive a ideia de listar 10 things que aprendi por enquanto e no que elas me influenciaram/influenciam porque, de certa forma, creio que isso me ajudará no futuro quando reler esse post. Yay! :D

1. Conheci outros blogs legais - um fato que nem tinha pensado direito, aliás, no início não entendia essa troca de informações entre blogs amigos, blogroll, blog day, mas depois percebi o quanto isso é importante pro crescimento da blogosfera, assim a conexão entre várias pessoas passa a existir. Tão bom saber que tanta gente compartilha desse mesmo sentimento, do amor por escrever em blogs, é de aquecer o coração, não acham?
2. Me ensinou a interagir mais - uma coisa completa a outra, e a primeira influenciou muito esse item dois. Eu contei no talking about #1 que sou uma pessoa mais reservada, que não se comunica tanto quanto deveria (já recebi várias chamadas de atenção dos parentes e amigos por isso), tímida e etc. Mas o interessante é que depois de ter um blog, isso aos poucos está mudando, me sinto com menos vergonha a cada dia e tá me fazendo um bem danado. É claro que nada é da noite pro dia, ainda tenho meus lapsos, haha, mas tô bem melhor.
3. Exercita minha escrita - percebi que depois de sair do ensino médio, relaxei em vários pontos, principalmente na escrita, palavras que antes não costumava errar de maneira alguma, agora acabo pecando em pequenos erros, e isso me incomoda bastante. Mas daí alguém pode pensar: "ué, mas você não continua estudando?" Sim, apesar de estar na universidade, lá é diferente, claro, a maioria dos trabalhos não são manuscritos, são digitados, e a gente acaba se acostumando com a auto-correção dos programas; além disso, os materiais didáticos nos deixam mais preguiçosos numa era tão tecnológica, pois a maioria dos recursos se resume a slides, digital fólio, vídeos e etc. Apesar de lermos pra caramba na universidade (e bota leitura nisso, socorro), praticar a escrita também faz parte pra não errar a gramática. Enfim, antes de trazer algo pra cá, eu escrevo as ideias em cadernos, planners, e então transfiro. Isso tem me ajudado a não enferrujar, haha. Mas queria saber de outros blogueiros, com vocês isso também acontece ou é só comigo mesmo? :3
4. Me inspira a fotografar - nunca algo fez tanto sentido, eu tirava mil fotografias e não sabia o que fazer com elas; sempre tive preguiça do postar no flickr pela demora que era pra carregar tudo, no instagram também não queria, odiava quando antigamente as fotos tinham que ser cortadas. Sem contar que essa ideia de diário virtual, onde se compartilha pensamentos, partes da rotina ou qualquer outro assunto, me enchia os olhos. Eu via de outras pessoas e eu queria um igual também, porque parecia ser tão incrível... Ter um blog deu mais sentido à paixão pela fotografia. Às vezes eu tô desanimada pra fotografar, mas aí tem alguma coisa que sinto vontade de compartilhar por aqui e então sou obrigada a fazer as fotos pro post, depois de finalizado, se torna prazeroso e não um peso. :)
5. Aprendi a criar mais coisas - criar, criar e criar; essa sim é uma sensação boa... A partir disso, pude me encontrar em vários sentidos, um deles era sobre o que iria querer pra minha vida. Eu estava no terceiro período de enfermagem e tive um tilt: "quero fazer fotografia e design". Bom, agora estou aspirando começar o curso de design na Ufal, tô super feliz com minha escolha e creio que foi acertada; apesar do medo de explorar algo novo, meu coração está tão leve, parece que um peso saiu das minhas costas! Ah, isso inclui também as horas gastas no Photoshop. Pense em algo que eu tinha um baita preconceito: "não sei mexer nesse troço; não quero aprender; dá preguiça; tantas ferramentas... parece ser complicado" essas eram apenas algumas das minhas reações ao abrir o programa. Até que um dia eu disse um basta a esse comodismo, e agora minha relação com ele envolve muito amor e várias criações. <3


6. Reforça meu processo criativo - pra criar, obviamente, tem que ter um pinguinho de criatividade, nisso venho me esforçando todos os dias; no início foi difícil pegar o ritmo, mas agora percebo que minha mente meio que condicionou o processo criativo à minha rotina, às vezes até estranho em mim uma disposição "suspeita" a ter ideias. Tipo essa de inventar uma lista de 10 coisas por conta de 100 posts. Hum, mas talvez a de agora não conte e seja uma desculpa, sei lá... Eu gosto de fazer listas, hahaha.
7. Serve de terapia - além de ser um hobby legal, blogar me alivia em n momentos, mas prometo não listar eles também aqui, hehehehe. Apenas: fotografar e blogar se tornaram um dos meus maiores amores, principalmente quando tô no tédio.
8. Me fez evoluir em vários aspectos - tanto na fotografia quanto na escrita e em outras áreas, como citado anteriormente. Eu reli as publicações antigas do Candy e notei que mudei bastante, acho que quem tiver disposição e caçar posts antigos poderá concordar comigo, então, posso dizer que evoluí, sim. Espero que em posts futuros, quando voltar a reler este, afirme o item 8 again. :)
9. Organização para realizar as metas - se antes eu criava listas, metas e fazia planejamentos tentando cumpri-los ao máximo na data estipulada, depois do blog dobrei a mania, não me perguntem o que uma coisa tem a ver com a outra, pra mim faz o maior sentido, hahaha. Enfim, por um lado foi bom, por outro são muitos para se acompanhar (alguns ao mesmo tempo), ainda tô trabalhando nesse quesito, mas tô conseguindo pensar mais em não me obrigar a fazer todos necessariamente logo, porque tudo tem seu tempo certo e limitações presentes.
10. É com paciência, calma e amor que se constrói - tá aí um aprendizado que levei séculos pra aceitar... Sou uma pessoa super, em termos nordestinos, avexada. Diversas vezes quis que o resultado fosse instantâneo, do dia pra noite - da noite pro dia - e assim vai... Depois de ver que isso só me fazia falhar e não progredir, pelo contrário, abracei a calma e a paciência, ignorei olhar pra como a ou b faziam. Passei eu a fazer, deixei fluir. Construí devagar, à minha maneira, um local que me representasse, que quando os outros olhassem pudessem saber que aquilo foi feito por mim. Meu lar, embora singelo, aconchegante e verdadeiro.

Daí descobri e compreendi o valor/dedicação de quem mantém um blog.
É com amor.

Eu agradeço por me acompanharem, pelas palavras, carinho e pelos comentários, leio com um sorriso tão aberto que vocês não imaginam, haha, tenho vontade de guardar todos num potinho! Mesmo quando não respondo logo, eu os leio, às vezes demoro porque não gosto de responder de qualquer jeito, gosto de realmente interagir/conversar com vocês. Então, obrigada, pessoal, por serem meus motivadores também.

Até breve.

12 comentários

  1. YEEEY, parabéns!
    Amei o post... Tenho quase 7 anos de blog, mas alguns dos aprendizados mais importantes que a blogsfera me trouxe estão listados neesse post - sobre ser muito tímida, fotografia e processo criativo principalmente!
    Beijos!
    A Menina da Janela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AWWWN \o/, muito obrigada, Lau, tô feliz com mais essa pequena conquista! Sou feliz com seu comentário e por tanto carinho; é de aquecer o coração ler tanta coisa linda de vcs! <3 Ah, é reconfortante saber que não estou só em muitas coisas, mas também estou contente em saber que isso faz a gente crescer! E que venham mais anos e anos pra você, fofinha! Um beijo! :*

      Excluir
  2. ahh!!! motivação é uma coisa tão importante, as vezes a gente não acha que seja algo que vá mudar alguma coisa.. mas quando a gente recebe essa dose de motivação a gente muda até o semblante, nos da mais confiança... é até estranho pensar que não deveriamos depender disso, mas acho também que nao é dependencia de motivação pra acreditar, é por ser mais gostoso de produzir e realizar o que gostamos quando outras pessoas compartilham desse sentimento <3 <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mesmo, Gabi! Esse post foi justamente com esse intuito, me motivar e me inspirar, principalmente mais pra frente. É importante não esquecer de como mudamos, evoluímos, é como você disse, é necessário pra que possamos continuar compartilhando, hihi. Um beijo. <3

      Excluir
  3. Acabei de ler/responder um comentário seu lá no meu blog e cliquei no seu link ♥ fiquei muito feliz por ter feito isso. Seu blog e lindo e amei esse post. Muito legal a sua lista e as fotos :)
    Que venham muitos outros 100 posts e aprendizados :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii, Mel! <3 <3 Eu nem sei como te agradecer por ter tido um tempinho de visitar meu blog, foi algo muito especial pra mim, de verdade, principalmente por você ser uma das pessoas que mais me inspiram!! Muito obrigada por tudo, pelos elogios, comentário, visita, e por ter gostado daqui, é uma alegria imensa, viu? *-* Haha, sim, também desejo que venham vários outros posts e lições!
      Um abraço. <3

      Excluir
  4. MEU DEUS EU ESTOU EM ÊXTASE COM ESSE SEU BLOG MARAVILHOSO!
    Gente, que design lindo, minimalista, me enche os olhos! Parabéns, amei o conteúdo, tudo!!!!!
    Sucesso sempre. Segui!! Beijão
    Through My Eyes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn! Me diz como reagir a um comentário tão lindo quanto esse, Millene? Muito, muito obrigada pelo carinho, pelos elogios, pelas palavras, por tudo! <3 De verdade, eu amei saber que você gostou de tudo aqui, me motiva a continuar. *-*
      Bjsss :*

      Excluir
  5. parabéns pelos cem posts! Eu também nunca tive muita paciência pro Flickr. Até tentei usar mas nao rolou. O insta eu adorava mas já me irritei e desativei as contas, ultimamente é uma rede social que nao me dá mais ânimo rsrs. Mas blogar é muito bom, que venham muitos outros posts por aqui :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Nessa, hihi. Ah, eu tenho esse mesmo probleminha com o insta vez em quando, rsrs. Mas é verdade, blogar é uma maravilha e cada vez mais amo fazer isso, obrigada por todo apoio. Um abç <3

      Excluir
  6. Parabéns pelos 100 posts, Laís! Que venham mais 100 e mais 100 e mais... ahahah <3
    Esse é um dos cantinhos que mais gosto na internet... ele inspira capricho, cuidado, tem um ar íntimo e de frescor... além de vários outros adjetivos e sensações. É realmente um blog muito singular e espero que você continue por muitos anos com esse seu jeitinho de "não saber direito como blogar", mas que acaba gerando um dos blogs mais maravilhosos que conheço <3 Nós é que agradecemos, pode ter certeza disso!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AWWWN, Lu, todos os seus comentários são tão fofos quanto a sua pessoa, e todo o sentimento que você tem por aqui é recíproco demais pra mim em relação ao seu blog! <3 <3 <3 Não sei lidar com tanto carinho e amor que você tem depositado em cada feedback, me aquece tanto o coração, é um verdadeiro presente pra mim ter uma leitora assim como você! *-* Muitíssimo obrigada, Lu, saber de tudo isso que você colocou aqui é super importante e me deixa tão alegre, cê não faz ideia! Um abraço apertado. <3 <3

      Excluir

Contact

Nome

E-mail *

Mensagem *